AppDomain


Esses dias estava perguntando ao João uma boa definição do que é um AppDomain. E ele me disse que não tem como sabermos o que é um Domínio de Aplicação se não soubermos o que é um Processo. Pois bem, dando uma olhada eu alguns materiais que tenho aqui, encontrei definições para estes:

[ AppDomain ]
Um domínio de aplicação (freqüentemente AppDomain) é um processo virtual que serve para isolar uma aplicação. Todos os objetos criados no mesmo escopo de aplicação (em outras palavras, em qualquer lugar junto à seqüência de ativações de objeto iniciando com o ponto de entrada de aplicação) são criados no mesmo domínio de aplicação. Múltiplos domínios de aplicação podem existir em um único processo do sistema operacional, tornando-os um meio leve de isolamento de aplicação.

[ Processo ]
Um processo de SO proporciona isolamento tendo um espaço de endereçamento de memória distinto. Embora isto seja efetivo, também é caro e não pode ser escalado para os números necessários para grandes servidores web. O Common Language Runtime, por outro lado, reforça o isolamento de aplicação gerenciando o uso de memória do código rodando no domínio de aplicação. Isto garante que o código não acessa memória fora dos limites do domínio. É importante notar que somente código type-safe pode ser gerenciado dessa forma (o runtime não pode garantir isolamento quando código não seguro é carregado em um domínio de aplicação).

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s