Configuração dinâmica no WCF


Existem duas formas de configurar um serviço WCF: imperativa e declarativa. A primeira opção consiste em criar explicitamente a classe ServiceHost, configurá-la e gerenciar a sua execução, e tudo isso é feito diretamente através da linguagem (C# e VB.NET). Já no modelo declarativo, recorremos ao arquivo de configuração (App.config ou Web.config), onde tudo é configurado dentro deles, o que te dá uma maior flexibilidade, já que te permite alterar mesmo depois de instalado no servidor.

Quando queremos algum dinamismo na configuração do serviço, podemos recorrer a primeira opção. Mas quando estamos hospedando o serviço em um projeto Web, através de um arquivo *.svc, a construção da classe ServiceHost é criada automaticamente pelo WCF/ASP.NET.

Nestes casos, para conseguir atingir o nosso objetivo, devemos construir uma factory customizada, e para isso, precisamos criar uma classe herdando de ServiceHostFactory, sobrescrever o método CreateServiceHost, onde dentro dele, criaremos o ServiceHost de acordo com nossa necessidade e, finalmente, acoplamos  à execução através da diretiva @ServiceHost no arquivo *.svc. Mais detalhes aqui.

Na versão 4.5 do WCF, a Microsoft facilitou isso, sem a necessidade de fazer várias customizações e configurações. Basicamente colocamos na classe que representa o serviço, um método estático chamado Configure, que receberá como parâmetro a instância da classe ServiceConfiguration, e como o próprio nome diz, corresponde as configurações daquele serviço, e que será aplicado ao ServiceHost. O código abaixo ilustra este novo recurso. Isso irá eliminar tudo aquilo que fazíamos até então, para conseguir customizar e/ou gerar a configuração para os serviços que são hospedados no IIS.

public class Servico : IContrato
{
    public static void Configure(ServiceConfiguration config)
    {
        config.Description.Behaviors.Add(
            new ServiceMetadataBehavior() { HttpGetEnabled = true });

        config.Description.Behaviors.Add(
            new ServiceDebugBehavior() { IncludeExceptionDetailInFaults = true });
    }

    public string Ping(string value)
    {
        return value + ” ping”;
    }
}

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s