HTTPS no Kestrel

Sempre quando pensamos em hospedar uma aplicação desenvolvida em ASP.NET logo nos vem a mente o IIS. Apesar de uma infinidade de recursos que ele possui, o novo ASP.NET traz nativamente uma forma de hospedar as aplicações em um processo fora do IIS (self-hosting), chamado de Kestrel, qual foi construído com a finalidade de ser multi-plataforma e vem ganhando bastante evidência com alguns testes que demonstram grandes resultados em termos de performance.

Aos poucos a Microsoft vem adicionado nele algumas funcionalidades para que ele incorpore tudo que é necessário para utilizarmos em ambientes de produção. A finalidade deste artigo é demonstrar como configurar a aplicação para suportar o uso do protocolo HTTPS e, consequentemente, proteger os recursos que serão expostos pela aplicação.

Como sabemos, independentemente da tecnologia ou servidor que utilizamos para as nossas aplicações, para o uso do HTTPS se faz necessário a compra de um certificado de alguma entidade publicamente conhecida, para que possamos instalar em nosso servidor e configurar a nossa aplicação para utiliza-lo para estabelecer um túnel seguro de comunicação entre o cliente e o servidor e vice-versa. Como o foco é demonstrar a configuração, vou utilizar um certificado de testes emitido por uma ferramenta, sem valor para uso em ambiente de produção.

O primeiro passa em nossa aplicação é indicar ao runtime que o hosting a ser utilizado é o Kestrel, e para isso, recorremos ao método UseKestrel. Em um dos seus overloads é possível acessar algumas configurações e entre elas a possibilidade de indicar que queremos que o HTTPS seja utilizado, que é expressado através do método de estensão UseHttps. Para fazer uso deste método é necessário a instalação de um pacote NUGET chamado Microsoft.AspNetCore.Server.Kestrel.Https.

Uma vez que o certificado está criado e armazenado em um arquivo PFX (que inclui a sua chave privada) e o pacote acima mencionado esteja instalado na aplicação, utilizamos o código abaixo para indicar o local onde o arquivo PFX referente ao certificado está localizado no disco; note também que o “12345” é a senha para que o ASP.NET possa acessar o certificado.

public class Program
{
    public static void Main(string[] args)
    {
        new WebHostBuilder()
            .UseKestrel(opts => opts.UseHttps(@”C:tempAppTesteMeuWebSite.pfx”, “12345”))
            .UseUrls(“http://localhost:5000/”, “https://localhost:5001/”)
            .UseContentRoot(Directory.GetCurrentDirectory())
            .UseStartup<Startup>()
            .Build()
            .Run();
    }
}

Ao rodar, a aplicação estará disponível para acesso tanto através do HTTP quanto HTTPS, porém em portas diferentes.